Últimas Notícias

Manutenção da desinsetização: o que você precisa saber

Foto de capa da notícia

As pragas urbanas podem ser exterminadas com métodos químicos utilizados no controle de pragas, mas é fundamental que a manutenção da desinsetização seja realizada por empresas altamente qualificadas. Obter um resultado satisfatório em um processo de desinsetização depende de alguns critérios básicos, como procedimento e ciclo adequados, produtos ideais para o tipo de controle que se deseja fazer e para o tipo de praga que se pretende eliminar.

É preciso lembrar que a manutenção da desinsetização é feita com técnicas específicas e envolve a manipulação de produtos químicos, o que exige conhecimentos técnicos e a respeito das normas de segurança.
A escolha do procedimento e dos produtos adequados dependerá das características do local de aplicação e da praga que se deseja controlar. Por exemplo, para eliminar baratas, usa-se um tipo de produto; já para eliminar formigas, o produto adotado é outro.
É necessário avaliar se os produtos usados são seguros para as pessoas e para os animais domésticos.

Ciclo de desinsetização
Os produtos utilizados atualmente não matam os insetos imediatamente, mas continuam o processo de exterminação por mais tempo. Um dos fabricantes explica que os insetos precisam entrar em contato com os produtos – no caso do gel, se alimentar dele, retornar ao seu esconderijo para morrer e assim contaminar os outros da espécie. Nesses casos, após a desinsetização, a orientação é evitar lavar ou fazer a limpeza com panos úmidos nos locais dedetizados por um período mínimo de 15 dias.

Periodicidade ideal
A manutenção da desinsetização depende de algumas características da residência ou do comércio. Se for uma empresa que estoque, comercialize ou manipule alimentos, por exemplo, a indicação é para tratamento, no mínimo, mensal – em alguns casos, deve ser quinzenal ou até semanal. Já para outros tipos de comércio, a recomendação é a cada 3 meses. Para condomínios comerciais ou residenciais, especialistas sugerem que a manutenção da desinsetização seja no máximo trimestral. É aconselhável que um profissional capacitado faça o diagnóstico do local.

Para evitar determinados tipos de pragas como as pulgas, o ideal é usar produtos específicos preventivos no ambiente. É imprescindível lembrar que adiar uma desinsetização do ambiente pode gerar prejuízos financeiros e danos (de leves a graves) às pessoas.

Fale com quem entende do assunto
A HIDROSAM possui uma equipe treinada e capacitada para fazer um controle de pragas eficiente e seguro.

Solicite uma cotação sem compromisso agora mesmo!

Solicite cotação

Autor: Da Redação.
Fonte: angelofreitas.com.br (com adaptações).